domingo, 30 de dezembro de 2012

"QUERIDO DEUS"















Querido Deus... Obrigado pela a volta que

              me fez dar, em 2016 

      Conheci pessoas maravilhosas, 
       Vivenciei alegrias  e tristezas.

Suportei a dor de perdê-la pessoas muito querida.

             Tropecei em pedras, 
    mais levantei de cabeça erguida. 

  Como mágica quero varrer da minha vida 
           todos os males inúteis. 
Neste ano de 2017 quero reabrir meu coração,
           e deixar a vida flori,
junto com minha família, meus amigos e amigas,
as borboletas e os colibris de todos os jardins.

          Querido Deus... Obrigado!  

            Aprendi ama-te, sem 
mandamento, pela a simples razão de te amar. 


          Para todos os amigos e amigas! 

Um Feliz 2017, cheio de sonhos coloridos,
     que sejam realizados docimente!
               São meus votos,
   de um 2017, para todos vocês!
  




                                                     Maria Machado 


quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

" Um Instante Só"


Por um instante... Tão só!
À espera de tua longa volta para os braços meus*
Tentei alçar vôo* seguir meu instinto e encontrá-la!
Mais os pérfidos obstáculos  separam-me dos abraços teus.

Um abismo profundo separa  minha vida da tua!
A minha do lado de cá... A tua no recôndito de lá!
Almejo... Há como queria por um instante só!
Sentir tua respiração ofegante e teu coração pulsar.

Vou muito além dos meus sonhos de  encontrá-la!
desejo sentir teu corpo mais uma vez*sentir-me reviver*
Sinto que pro meu tempo... O tempo não parou,
Apenas multiplicou o tempo da saudade que sinto de você. 



                                                                           Maria Machado    

sábado, 22 de dezembro de 2012

"NATAL DE JESUS"


Disponta no céu do oriente a estrela do menino Jesus*
Nascera na cidade de Davi...O Rei dos Reis* O Salvador*
Os magos ao verem a estrela alegraram-se com júbilo*
Presentearam com ouro*encenso* mirra...O Cristo SENHOR.


O nosso Deus Menino que veio pra nos salvar dos pecados*
Que por amor a nos* morreu crucificado numa cruz! 
Vamos celebrar seu aniversário com louvores* e paz*e orações*
Com muito amor e fé nos corações*celebraremos o Natal de JESUS.



       Feliz Natal...A todos meus amigos e amigas!!!

                      Feliz 2013!!! 

                                               Maria Machado 

 

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

                                                         

 Campanha de Incentivo à Leitura

Agradeço  a querida amiga Carmem Lúcia do blog mamymilu.blogspot.com por ter me ofertado
esse selo do meme da campanha de incentivo à leitura.

Que é muito importante inventivo à leitura.

Vamos as regras.

1- Postar o laço no blog.
2- Escolher 10 blogs para ofertar o selo.
     3- Responder o meme ;
       Pergunta:

Que livro você indicaria para uma pessoa começar a ler?

O livro indicado é: 

A cabana.

Meus blogs escolhidos são:

vilmapiva.blogspot.com da Vilma Piva.
vera-portellablogspot.com  Meu céu da Felicidade.
zilanicelia.blogspot.com "só pra dizer".
poesisayvivencias.blogspot.com  Pedro Luis Peréz.
vanful.blogspot.com  van.
poemasrecopiladosdemaria.blogspot.com   maría.
luasingular.blogspot.com  Dorli.
blogsbichodomato.blogspot.com  Marcos Pinto.
vendoascoresdavida.blogspot.com  Chica.
professoraloudesduarte.blogspot.com Prof Lourdes.



Maria Machado




domingo, 16 de dezembro de 2012

" As Libélulas e Eu"























Há se Tu mostrasses-me um sinal de onde estás!
Sossegaria meu coração, por um instante.
Esse coração não me ouve mais! Só clama por ti!
Obsessivamente numa procura... Obssecante.

Fortes o Sol! Outros amores nem serão faíscas!
Ainda não aprendi viver sem ti,meu coração é cativante,
Sem você as manhãs não exuberam brilhos nem cores,
As libélulas e eu, no triste cenário agonizante.

Até os passarinhos entristecidos choram comigo!
Meus olhos te buscam, e te vêem ao meio a imensidão,
Pertgunto-te, como te esquecer? Se pra onde olho Tu estás?
Como deixarei de te amar? Se vivo estás no meu coração?




                                                                             Maria Machado

sábado, 15 de dezembro de 2012

" Acorrentada"


Meus olhos se enchem de lágrimas num apelo silencioso*
Caminhando em busca de encontrar-me subitamente perdida,
Sinto-me sozinha e acorrentada*não consigo me libertar do passado*
Das cicratrizes que não saram*que ainda sangram a ferida.

Conheci aquele rostinho fui tão amada*amei intensamenete*
Cheguei pensar que fosse finito*um terno amor real sem ilusão,
Perdi tão logo o doce da minha vida* em frações de segundos*
Meu príncipe amado que levou no cadeado a chave do meu coração.

Hoje em contróversia com destino eu repudio a mesquinha sorte!
Carrego um fado penoso*onde me atiro acovardo com a solidão*
Sinto pena da minha própria lamúria descabida* sem prescrição!
Diante da indiferença de onde me vejo serei rotulada sem perdão.

Sou mulher*às vezes frágil*às vezes guerreira sem armaduras*
Sou incansável não me contento com pouco*quero sempre mais!
Não me amedronto com a morte*cubro-me de luto todo meu coração*
Os tórridos segredos adormecidos que eterniza  nosso amor e minha paz.

Quando me procuro estou em debate com a saudade que me aflinge!
Vejo que o passado nunca me abandona no topo d"alma a me perseguir*
Acalento meu coração estilhaçado* que aos prantos chora por ti* e morre!
Sempre quando me deparo com lembranças que não te deixam partir.



                                                                                                       Maria Machado
 

" Grande e Louco Amor"
























O vento rastejante trás a calmaria
Inebriado com o cheiro da flor da laranjeira,
Redemoinho de pétalas parecem sussurrarem
Palavras que lembram meu amor da vida inteira.

Ao teu lado caminhei entre risos e felicidades
Sobre flores rasteiras do pôeral orvalhada,
Ouvimos os anjos sem fadigas tocarem em harmonia
Regendo um cântico da orquestra de um conto de fada.

Aquela senda estreita florida e perfumada
As borboletas coloriam o verde exuberante em seguimento,
Os passarinhos cantavam o vento sorrateiro assobiava
O colibri com sua beleza bailava com suas assas ao vento.

Naquele momento deslumbra fluidos sobre o vento que bradava
Luzes refletiam cores do arco-íris vindo à tona com esplendor,
Tão logo veio a chuva que parecia gotas prateadas sobre os galhos
Que molha teu corpo enxuga com o meu  nosso grande e louco amor.





                                                   MIMO DA AMIGA GRACITA
                                                            
                                          QUERIDA AMIGA MUITO OBRIGADO

                 " QUE O DEUS MENINO EM 2013 MULTIPLIQUE AS SEMENTIHAS,
           DO AMOR, NESTE NATAL, SEJA CELEBRADO COM MAIS AMOR E PAZ."


                                                                                                    MARIA MACHADO


sexta-feira, 14 de dezembro de 2012















                                                UM AGRADECIMENTO ESPECIAL
                                            AGRADEÇO AO BLOG GRITO DA ALMA

                                             DA QUERIDA AMIGA NÁDIA SANTOS 

                                     PELO O PRESENTE QUE ME DEIXOU MUITO FELIZ.
                                                                    OBRIGADO
      



















quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

" Duas Almas em um Só Corpo"














Eu quero ver teu sorriso*
Logo ao amanhecer*
Teus lábios murmurando*
Amor como eu amo você.

Quero sentir tua essência*
Ao penetrar em seu olhar*
Quero dizer que te amo*
Na hora que você acordar.

Duas almas em um só corpo!
Envolvida em um ato único de amor*
Inatingível ante-anormal*
Sem censura*agem deplorável sem pudor.

Um sentimento absurdo* descarável*
De duas vidas unida num jogo iluzitado*
Amor insaciável* pegajoso e imortal*
Inseparável* unido para sempre eternizado.




                                   MARIA MACHADO

segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

" Poltrona 22 "




Meio dia em ponto!
Um vai e vem de rostos estranhos na estação,
Vou até a bilheteria a as compro o bilhete vinte e dois!
O último minuto...A partida, estou ao meio uma glomeração.

Na poltrona vinte e dois eu me aconchego,
Ao perceber do meu lado um lindo jovem rapaz,
Olhos da cor de mel, cabelos pretos enrolados
Pele branquinha em neves, o rosto sereno de paz.

A presentou-me meio conturbado apertamos as mãos!
Ao tocá-lo senti um estranho sentimento, um arrepio de amor,
Meus lábios queimavam fervoroso em busca dos seus!
Trêmula embevecida minha voz presa, minha boca secou.

Na primeira parada na estação, todos descem para um descanso,
Ficamos a sóis, beijamos com arrobo, fomos além... Extasiados
Cegos de amor arrancamos nossas vestes fomos ao ato final
Um vórtice de amor nos arrebata para os céus! Apaixonados.


                                                                MARIA MACHADO

sábado, 8 de dezembro de 2012

" Prisioneiro do Amor "


















Há uma luz no final do túnel*
É sinal que o sonho não acabou!
Ainda existe esperança...Em fim esperança!
Tudo que o tempo não apagou.

Prosseguirei adiante*vou à luta!
O desânimo não faz parte da minha vida*
Não serei fracassada sem combate*
Vou até o fim*a guerra não ainda está perdida.

Lutarei por ti! Vai se redimi*se entregará pra mim!
Deixando ou não! Será prisioneiro no meu coração,
Irei te enfeitiçar*te fazer dormi*vou empestear tua sombra!
Blindarei teu corpo ao meu*te extasiarei você querendo ou não.

Vestida de branco*com a alma ardorosa*vou te seduzir*
Irei te empressionar*você vai me amar*não vai resisti*
A tentação é forte e obsessiva!estará nas grades não terá saida!
Meu prisioneiro do amor! Vou te hipnotizar e te possuir!


                                                          MARIA MACHADO

sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

" Anjo de Asas Grandes "



Um anjo com asas grandes*veio do infinito me iluminar*
Caiu do céu em meus braços*abrandou a minha dor*
Sarou todas as feridas do meu coração sofredor,
Entregou-se para mim por inteiro*sem medo de amar.

Trouxe o brilho das estrelas*com perfume lunar*
Aqueceu-me com os raios dourados do Sol* e seu calor,
Exalava o cheiro dos deuses*misturados com amor*
Delicie-me em teus lábios adoçicados*e senti-me flutuar.

Levou-me as nuvens bem perto do Céu os fiquei!
Meu coração junto ao seu*nossos corpos unificado*
Rumo ao infinito*com meu anjo de asas grandes viajei.

Adormeci em seus beijos*sonhei como nunca havia sonhado*
Um amor doido arduo e profundo* que para sempre os terei!
Por que meu anjo de asas grandes...Estará sempre ao meu lado.


                                                                  Maria Machado

quinta-feira, 6 de dezembro de 2012














SELO DO AMIGO PEDRO PLUGLIESE
           OBRIGADO AMIGO

        www.poramor.blogspot,com.br
 


 "SELO  DA AMIGA CARMEM  LÚCIA
     OBRIGADO PELO O PRESENTE"

quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

" Debaixo do Céu"





A chuva cai fortemente respingando na minha alma solitária*
Lágrimas! Igualando suspiros angustiante falam sobre mim,
Na tempestade astuciosa*que murmuram impaciente*
Chegam devastando meu ser eu* e as flores do meu jardim.

Voa o colibri! As borboletas sobrevivem por entre as folhas*
Levada pelo o vento arteiro* por um impulso esmerado,
Só restando sombras que impedem meu coração inquieto*
Deslembrar do tempo memorável que estive ao seu lado.

Sobre o arco-íres debaixo do Céu! Tuas palavras se contorciam*
Com exatidão de me querer* eu de ti perder* uma foça pertinaz!
Perdidamente nos meus braços*no momento crucial jurastes para mim!
Nada destruiria nosso amor* seria eterno* não acabaria já mais.

Vento brusco pairava sobre nossos corpos em meio a tempestade!
Vi o sinal que despedaçara meu coração*e te levou!Senti-me desolada
Não foi um  faz de conta*foi um belo conto de fada com belo final*
Uma linda história de amor de duas almas eternamente entrelaçada.


                                                                               Maria Machado

terça-feira, 4 de dezembro de 2012

" Anjo Guardiã "

Como não dizer te amo*diante de tantos argumentos*
Se ES o anjo guardiã da minha vida! Meu oportono amor*
É o Sol que irradia meu corpo*o amor que escorre em mim!
É minha lua dos namorados* é meu homem sonhador.

Pra ti* me desnudo fico noites acordada!*
Pra ti* eu me descubro* entrego-me minha vida*
Só por ti tenho obsessão sem raciocínio e poluída*
Por ti estrago-me* rasgo-me sou devassa e perdida.

Sou a água que banha* que escorre em teu corpo nu!
Sou  tua Zoína preferida* me relaxo me destruo por por você*
Sou a paixão mais ardente*depravada sem pudor!*
Sou a toalha que te enxuga* te acaricia com prazer.

Sou tua fantasia mais louca insana e doentia*
Sou tua Cleópatra desarrumada* sou tua Eva sem maçã*
Sou tua anestesia amorosa* sou divina-louca* por ti!
Amarei-te...Por mil noites! ES meu anjo guardiã.


                                                                Maria Machado

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

"Lembranças"

A chuva passa...O sol encoberto por densas nuvens escuras
No alto da palmeira canta o solitário Bem-te-vi.
Estonteante de alegria, seu canto me leva para longe de mim,
Fazendo-me lembrar do meu amor maior, que nunca esqueci.

Suas lembranças chegam "me atigem profundamente n"alma!
Pequenos detalhes que ainda estão vivos não pude esquecer,
Sua foto no porta retrato amarelados com as marcas do tempo,
Sua camisa preferida, nas cores do céu...Ainda cheira você.

A canção que você mais ouvia! Que embalava nossos sonhos,
Já não tenho a conta das vezes, que tenho ouvido.
A saudade de você vem de tudo, de um rosto, de um sorriso,
Vem do desejo que ainda vive, no meu coração, retido.

Suas lembranças vêm do cheiro da chuva, do azul do Céu de verão!
Do colorido da terra, onde vive o solitário Bem-te-vi a cantar,
Vem do opúsculo que a ti dediquei dos lenções que exala teu cheiro!
Vem da fantasias enebriantes da noite...Onde livre posso te amar.


                                                                         Maria Machado